Cascatas de conhecimentos: turma de Engenharia Elétrica do UniToledo visita a Usina Hidrelétrica de Itaipu

Albúm pessoal

site-1

site2

site3

Estar em ambientes que gerem aprendizados é um dos objetivos que o UniToledo procura sempre proporcionar para seus acadêmicos. Uma das ocasiões em que o os alunos mais tem a possibilidade de assimilar a profissão sendo exercida, são nas visitas técnicas. Pensando nisso as turmas dos 3º, 4º e 5º semestres do curso de Engenharia Elétrica do UniToledo visitaram a Usina Hidrelétrica de Itaipu no última dia 2. Os alunos foram acompanhados pelo coordenador do curso, Wesley Pontes, e pelo professor João Zamperin.

Uma das ocasiões em que os alunos mais têm a possibilidade de assimilar a profissão sendo exercida, são nas visitas técnicas. Pensando nisso as turmas dos 3º, 4º e 5º semestres do curso de Engenharia Elétrica do UniToledo visitaram a Usina Hidrelétrica de Itaipu no última dia 2. Os alunos foram acompanhados pelo coordenador do curso, Wesley Pontes, e pelo professor João Zamperin.

Estar em ambientes que gerem aprendizados é um dos objetivos que o UniToledo procura sempre proporcionar para seus acadêmicos. Uma das ocasiões em que os alunos mais têm a possibilidade de assimilar a profissão sendo exercida, são nas visitas técnicas.

Pensando nisso as turmas dos 3º, 4º e 5º semestres do curso de Engenharia Elétrica do UniToledo visitaram a Usina Hidrelétrica de Itaipu no última dia 2. Os alunos foram acompanhados pelo coordenador do curso, Wesley Pontes, e pelo professor João Zamperin.

De acordo com o coordenador a visita foi importante, pois muitos aspectos acadêmicos foram assimilados, dentre eles os construtivos, instalações elétricas, geração, distribuição e transmissão de energia elétrica.

“Visitas técnicas como esta visam à formação plena de nossos alunos. Acreditamos que serão capazes de lidar com problemas reais e buscar soluções, graças à experiência em campo adquirida com esse tipo de aprendizado”, explicou.

Além disso, os alunos puderam conhecer uma das grandes obras do ser humano, uma vez que Itaipu é uma das sete maravilhas do mundo moderno; e a tecnologia em fabricação e desenvolvimento, pois a usina possui parcerias com grandes empresas para desenvolvimentos de carros elétricos.

“Eles puderam ter conhecimento de projetos grandiosos e suas respectivas estruturas e como a engenharia é capaz de contribuir para a sociedade, aspectos muito importantes a serem considerados”, ressaltou.

Edição: Aline Ceolin