Laboratório de Análises Clínicas prepara futuros biomédicos para os desafios práticos da profissão

Assessoria UniToledo

lab2

lab3

O estágio funciona como uma ponte entre o conhecimento teórico das aulas.

O estágio funciona como uma ponte entre o conhecimento teórico das aulas.

O primeiro passo para o exercício profissional é o estágio. Quando o ambiente perfeito para desenvolver essas habilidades está dentro da própria faculdade, os acadêmicos têm a possibilidade alcançar um nível de crescimento único para encarar o mercado de trabalho.

No UniToledo, o Laboratório de Análises Clínicas é um exemplo desse espaço. Além de acomodar aulas de diversos cursos da área da saúde, o ambiente também é utilizado para a realização de estágios para alunos do 6º e 8º semestres de Biomedicina com a função de desenvolver e disponibilizar competências e serviços através do ensino, pesquisa e extensão.

Os acadêmicos participam do desenvolvimento das rotinas práticas nos setores de coleta e triagem de material biológico, esterilização, parasitologia, microbiologia, hematologia, bioquímica, imunologia e urinálise.

Segundo a coordenadora do curso de Biomedicina do UniToledo, Tatiane Petroni, o estágio funciona como uma ponte entre o conhecimento teórico das aulas, com o conhecimento prático das rotinas e normas laboratoriais que o futuro biomédico encontrará em seu campo de atuação.

“A importância das atividades para os alunos é a vivência da rotina laboratorial, de organização e diagnóstica, lidando com pacientes, responsabilidades e métodos reais”, resume a docente.

“O laboratório atende pacientes voluntários da instituição, sendo nosso próximo objetivo a validação pela Vigilância Sanitária para liberação dos resultados para o público”, explica.

Ainda de acordo com a professora, o principal diferencial é que o laboratório possui infraestrutura de ponta para a realização dos exames laboratoriais propostos, oferecendo para a utilização dos alunos equipamentos diagnósticos automáticos e semiautomáticos.