Pesquisa Científica: está aberta a chamada para submissão de artigos da Revista Saúde UniToledo

Design UniToledo

saude (1) (1)

Divulgar o saber científico gerado pelas diversas áreas da saúde e oportunizar aos pesquisadores a divulgação de suas pesquisas são os principais objetivos da Revista Científica Saúde UniToledo. Pesquisadores da área podem enviar seus artigos para integrar o segundo volume do periódico até o dia 30 de junho.

A edição anterior reuniu artigos originais, relatos de casos clínicos e revisão, que contemplaram as áreas de Nutrição, Fisioterapia, Educação Física e Biomedicina. A publicação contou ainda com a participação de trabalhos desenvolvidos por alunos de graduação e pós-graduação do UniToledo, bem como de profissionais formados por outras instituições.

Segundo o editor gerente da revista e coordenador do curso de Fisioterapia, professor Flávio Pulzatto, o periódico acabou de receber o ISSN (International Standard Serial Number), que é o código aceito internacionalmente para individualizar o título de uma publicação seriada, o que aumentará grandemente a visibilidade das publicações.

Para submeter artigo para o volume 02, é só clicar na guia “SOBRE” e acessar o link “SUBMISSÕES ONLINE”. É importante que os alunos que quiserem escrever artigos busquem conhecer as normas técnicas da Revista, disponíveis neste link.

O primeiro volume do periódico pode ser conferido clicando aqui.

PARTICIPAÇÃO
Segundo a coordenadora do curso de Nutrição, Adriane Lemos, a publicação de um artigo científico é uma forma de transmitir à comunidade técnico-científica o conhecimento de novas descobertas na área da saúde. A docente ressalta que a revista é aberta aos colaboradores da comunidade científica em âmbito nacional e internacional, incluindo acadêmicos.

“Quanto mais cedo em sua trajetória acadêmica um aluno for inserido no processo de produção de conhecimento, mais cedo ele poderá vir a dar contribuições relevantes à sua área”, explica. “Pesquisadores com publicações desfrutam do reconhecimento técnico dentro da comunidade, alcançam melhores colocações no mercado de trabalho e divulgam o nome da instituição a qual estão vinculados”, resume a docente.

Segundo a coordenadora do curso de Biomedicina, Tatiane Petroni, a Iniciação Científica e a prática da escrita de um artigo científico desenvolvem várias habilidades no aluno. “Além de estimular a análise crítica de informações sobre o assunto disponíveis na literatura, esta prática desenvolve também a escrita em linguagem formal e de maneira sucinta”.

Para o professor Flávio, a participação dos alunos é muito importante para colocá-los em contato com o meio científico e incrementar os currículos, uma vez que esta participação está sendo cada vez mais estimulada pelo corpo docente que, em sua maioria, são pesquisadores em suas respectivas áreas de conhecimento.

“Acreditamos que o papel da ciência é melhorar a qualidade de vida da população, na área da saúde, isto se torna primordial e faz parte dos objetivos dos estudos realizados”, afirma. “Por isso, é importante a divulgação das pesquisas realizadas de maneira democrática e acessível para todos”, finaliza.

Edição: Barbara Franchesca do Nascimento