Enpex 2017: confira algumas novidades e dicas para doutrinar em meio às melhores pesquisas científicas do Interior Paulista

Design UniToledo
Começa nesta quinta-feira (16) o maior Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão do Interior Paulista, o XVII Enpex UniToledo. O evento científico reunirá pesquisadores de Araçatuba e região para três dias intensos de compartilhamento de conhecimentos

Começa nesta quinta-feira (16) o maior Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão do Interior Paulista, o XVII Enpex UniToledo. O evento científico reunirá pesquisadores de Araçatuba e região para três dias intensos de compartilhamento de conhecimentos.

 

 

Começa nesta quinta-feira (16) o maior Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão do Interior Paulista, o XVII Enpex UniToledo. As apresentações continuam na sexta-feira (17), trazendo algumas novidades como a inclusão da opção de artigo completo na submissão, além da segunda edição do Prêmio Jovem Pesquisador, que premiará os três melhores trabalhos na área de Iniciação Científica.

O evento científico reunirá pesquisadores de Araçatuba e região para três dias intensos de compartilhamento de conhecimentos, e, para isso, é preciso estar bem preparado para o tão esperado momento da apresentação. Pensando nisso, o coordenador de Pesquisa, Extensão e Ação Comunitária do UniToledo, professor Sergio Mazini, compartilhou uma dica importante para não cometer erros neste momento.

“O principal erro que se pode cometer é não se preparar para a apresentação, que deve ser elaborada e treinada para que ocorra no tempo previsto de quinze minutos, apresentando os pontos principais de seu trabalho”, aponta o professor.

O coordenador do curso de Engenharia de Produção do UniToledo ainda destaca que, além do cuidado na elaboração da apresentação no tempo disponível, é fundamental treiná-la com antecedência e, no caso dos grupos, treinar com todos os autores do trabalho.

“Tal negligência gera equívocos durante a apresentação, além de transparecer a falta de preparação. Para os ouvintes, é importante analisar as apresentações e fazer um roteiro das que pretendem assistir, levando em consideração os temas de interesse”.

PRÊMIO JOVEM PESQUISADOR E REVISTAS CIENTÍFICAS

Sergio explica que, para participar do Prêmio Jovem Pesquisador, o aluno precisa estar participando de algum projeto de Iniciação Científica dos Grupos de Pesquisa da instituição e também ter submetido o trabalho na categoria Iniciação Científica.

Em relação às revistas cientificas, o coordenador afirma que os principais trabalhos de cada área serão convidados a submeterem uma versão revisada e ampliada para uma das cinco revistas científicas da instituição.

“Por se tratar de um evento científico, o Enpex proporciona a oportunidade dos alunos exporem suas pesquisas, além da troca de experiências com outros pesquisadores, o que acaba gerando novas ideias e possibilidades”, conclui Mazini sobre a importância da participação no evento.

SERVIÇO

Confira a programação aqui. Regras e informações aqui.

Dúvidas podem ser esclarecidas pelo telefone (18) 3636-7000, via whatsapp (18) 99627-3166 ou mazini.prof@toledo.br e (18) 98121-3407.

Edição: Barbara Franchesca Nascimento