História da Rádio Toledo

O primeiro programa realizado pela Rádio Toledo - quando ainda funcionava em caráter experimental – foi o Game Show “Desafio da Língua”, criado para o evento da Noite Portuguesa, evento tradicional do curso de Letras, realizado até 2004, no Centro Universitário Toledo.

Em outubro de 2002, foi criado o radiojornal “Diário Toledo”, que trazia, de segunda a sexta-feira, os principais fatos ocorridos na Instituição. O programa foi ao ar até novembro de 2004.

Também em 2002, no mês de dezembro, surgiu a Mesa Redonda Esportiva “Toque Final”, que já era o começo de um trabalho de conclusão de curso da primeira turma de Jornalismo. O programa inovador na região ficou no ar até novembro de 2004, quando foi apresentado à banca examinadora pelos novos jornalistas Cristiane Marcondes, Márcio Anix e Clemerson Mendes.

Em abril de 2005, o programa ganhou nova força e passou a ser apresentado todas as segundas, das 22h as 23h, nos “1210 da Rádio Bandeirantes AM de Araçatuba”. O “Toque Final” foi apresentado até março de 2007 pelos jornalistas Clemerson Mendes, Márcio Anix, Ralf Ribeiro, Sérgio Alexander e Neto Lisboa.

 

Nova Programação

Em janeiro de 2003, novos programas foram criados dentro da Rádio Toledo. “Ogiva Falante”, “Quem sabe, sabe” e “Comunicação Solidária” tiveram seus pilotos gravados.

O programa “Comunicação Solidária” voltaria reformulado em 2005, também como um Trabalho de Conclusão de Curso do formando Yago Monteiro.

Em 2004, foi criado o radiodocumetário “Histórias para o Rádio Contar”, que resgatava fatos do passado e do cotidiano de Araçatuba e Região.

No ano de 2005, com a chegada da nova equipe de estagiários, foi criado um novo pacote de programas: O Talk Show “Músicália”, que teve como objetivo valorizar os talentos musicais de Araçatuba e Região, tornou-se um dos programas mais bem formatados da Rádio Toledo.

“Microfonia” foi o programa mais polêmico da Rádio Toledo. Nele, os quatro apresentadores defendiam seus pontos de vista. Também em 2005, surgiu o “Toque Final – Nova Geração”, que continuou dando a característica universitária ao programa.

No mesmo ano, nasceu o “Espaço UniToledo”. De segunda a sexta-feira, os estagiários traziam muita música e informação dentro de suas especialidades como: Esporte, Música, Mulher, Cinema e Notícia. Não há dúvidas de que 2005 foi mesmo o grande ano da Rádio Toledo, que a partir de 30 de junho começou a transmitir seus programas dentro da iRadio, uma das principais webradios do Brasil.

 

Parceria iRadio

Com a parceria, a Rádio Toledo passou a adotar também alguns programas já existentes na iRadio, como o “Bom Dia iRadio”, “Almoçando com a iRadio” e “Tarde Show”.

Em 2006, as transmissões da Rádio Toledo dentro da iRadio ganharam mais força, foram 32 horas de transmissões ao vivo durante a semana, com os programas: “Bom Dia iRadio”, “Espaço UniToledo”, “Almoçando com a iRadio” e “Tarde Show”. Aos domingos, e depois aos sábados, era veiculado o programa “Portal iRadio”, gravado nos estúdios da Rádio Toledo.

Em 2007, as conquistas foram a formação de uma equipe de estagiários no período da tarde e, com ela, a criação do programa “Tem de Tudo”, uma revista eletrônica aos moldes do Domingo Espetacular, da Record, e Fantástico, da Rede Globo. Na parte da manhã, o programa “Tá na Mesa” substituiu o “Almoçando com a iRadio”. Os novos quadros estimulam, ainda mais, a participação interativa do ouvinte.